Compartilhando bençãos

Você é o visitante número:

Decisão do TJ-RS


O TJ-RS, a pedido de uma associação de lésbicas, determinou que se retirassem os crucifixos dos prédio do judiciário, sob o pretenso argumento de que o Estado é laico.
Considerando que o pedido foi feito por um grupo de lésbicas, podemos concluir que nós passamos do limite do respeito as diferenças para subordinar aos caprichos de uma minoria que se sente incomodado com algo que transcende a religião. Somos culturalmente Cristãos. As marcas do Cristianismo estão em todos os setores da sociedade e 90% do povo brasileiro é Cristão.
Ainda que nós crentes não temos por costume o uso de crucifixos, fico profundamente incomodado pois a decisão ferem nossos irmãos católicos, diante daquilo que consideram símbolo da morte de Cristo na cruz.
Mas o que me deixa contente é que eles podem tirar crucifixos dos prédios, das escolas e até das igrejas, mas jamais apagarão a mensagem da cruz dos corações dos crentes. Ele morreu por nós.